quinta-feira, 4 de setembro de 2008

Falta Paixão


Voltando pra casa uma noite dessas ouvi no rádio a história de um cantor que para compor seu novo cd isolou-se durante 03 meses no seu chalé nas montanhas e de lá só saiu com as composições prontas. E o locutor ainda fazia o adendo que o cd era imperdível, as canções eram o retrato do talento do artista como compositor e cantor.
Fiquei pensando como ele havia conseguido ficar 03 meses isolado e tentei me colocar no lugar dele. Achei que eu não seria capaz. Mas o cara ficou fazendo uma coisa pela qual tem paixão. E eu? Onde anda minha paixão?
Já não lembro qual foi a última vez que deixei as horas passarem esquecida de comer, tomar água, dormir...
Não sei mais o que me faria marcar os dias no calendário com pressa ou querer parar o relógio para não acabar mais.
A resposta certa à pergunta que não foi feita seria: vá atrás da sua paixão.
Ou uma resposta mais politicamente correta: encontre paixão na sua própria vida, nos seus pertences.
Pode parecer ingratidão ou insatisfação eterna. Não é. Consigo reconhecer as conquistas. Mas de repente percebi que falta paixão.
Falta paixão no trabalho, falta paixão na paixão, falta paixão na vida, falta paixão no sorriso, falta paixão nos sonhos, falta paixão nos desejos, falta paixão na coragem, falta paixão em mim, falta paixão na fé, falta paixão na rotina, falta paixão.

Um comentário:

Clarice Lis disse...

eu tenho um segredo para te contar, eu sei onde mora a paixão. Te dou o mapa e a bussola e vc sai a procurar. Combinado?