quinta-feira, 27 de setembro de 2007

Amizade Colorida, você ainda terá uma.

Estou despindo-me de qualquer tipo de julgamento e preconceitos enquanto reflito sobre este assunto. Vamos lá.... Pelo que vejo a tal da amizade colorida em tempos atuais está se proliferando como gremlins embaixo da chuva. Cada vez mais está valendo a máxima tribalística “Eu sou de ninguém, Eu sou de todo mundo, E todo mundo é meu também”. Casar e separar ao primeiro sinal de desavença está se tornando cada vez mais freqüente, o número de divórcios vem aumentando, segundo dados do IBGE, as estatísticas mostram que, entre 2004 e 2005, a taxa de divórcios no Brasil passou de 1,2 para 1,3 por mil pessoas de 20 anos ou mais e atingiu seu maior patamar desde 1995.
Mulheres mais modernas, mais bem resolvidas, homens mais inseguros, menos bem resolvidos.
Muitos ingredientes em uma grande panela de pressão e voilà: apenas bons amigos. Mas que vez ou outra dão uma passadinha ali pela cama. Tudo muito bem resolvido. A gente chega, dá oi, resolve as carências, bate um papinho, fala do tempo, do vento e do Jornal Nacional, dá um tchau e fica tudo por isso mesmo. Até a próxima, carência. Por assim dizer. Amizade colorida, fucking friend, P.A (tenho uma amiga que chama assim, pelo nome do órgão sexual masculino + a palavra amigo: leia-se PXXXO AMIGO). Sabe-se lá qual é o nome que venha a ter. Você se sente preparado??? Não se pergunta onde andará o romance? O fato é que, preparado ou não, cuidado com a amizade colorida, quando você menos esperar, você terá uma!

13 comentários:

André Moinhos disse...

Sei bem como é isso!
Na minha opinião, é até melhor pq ninguem sai machucado. O "casal" sabe da situação do outro, e acho até que fica mais confortável pra ambos!

Boa sexta e bom fds!

Beijocas

CresceNet disse...

Oi, achei seu blog pelo google está bem interessante gostei desse post. Gostaria de falar sobre o CresceNet. O CresceNet é um provedor de internet discada que remunera seus usuários pelo tempo conectado. Exatamente isso que você leu, estão pagando para você conectar. O provedor paga 20 centavos por hora de conexão discada com ligação local para mais de 2100 cidades do Brasil. O CresceNet tem um acelerador de conexão, que deixa sua conexão até 10 vezes mais rápida. Quem utiliza banda larga pode lucrar também, basta se cadastrar no CresceNet e quando for dormir conectar por discada, é possível pagar a ADSL só com o dinheiro da discada. Nos horários de minuto único o gasto com telefone é mínimo e a remuneração do CresceNet generosa. Se você quiser linkar o Cresce.Net(www.provedorcrescenet.com) no seu blog eu ficaria agradecido, até mais e sucesso. (If he will be possible add the CresceNet(www.provedorcrescenet.com) in your blogroll I thankful, bye friend).

rafael disse...

Meu caso é bem diferente do André.
Ficou uma situação bem desconfortável e feridas ainda a serem cicatrizadas.
Não sei se a questão é ser bem ou mal resolvido/a. Acho que tem muita coisa no meio disso tudo. Mas enfim, comigo rolou e creio ser difícil acontecer de novo.
bjus

Cassandra disse...

Acho o sexo muito sério. É muito íntimo e deixa marcas muito fortes. Pelo menos em mim. Não creio que esse tipo de relacionamento faça um bem real, apenas ilude e mesmo que um use o outro e ambos saibam o que ocorre ainda é usar. Onde está o amor ao seu corpo? Só na satisfação momentânea?
Não é uma crítica é uma opinião, ok? Até!

Tudo ou nada ... disse...

Quando ambos concordão é a melhor coisa ter uma amizade colorida. Seu amigo(a)te conhece super bem, sabe de todos seus gostos, te ouve, te aconselha, te da carinho, etc... eu tive e ainda tenho algumas amizades coloridas, mas o principal nunca ficou abalado "amizade".

Bjos

a calma alma má disse...

> andré: acho que confortável é sapato que não aperta... Amizade colorida? sei não... mas vambora..

> rafa: apesar do post descontraído, acho que sempre corta-se a carne e sempre sobram feridas..

> cassandra: acho o sexo seríssimo também. E acredito que é sim, envolvimento. Ainda que seja encarado de forma "frugal".

> Lu: ahá, então você é um dos que já está preparado! Se as regras estão claras, espera-se não deve haver problemas, não é mesmo?

Iara Alencar disse...

Não, não, não, não :(
eu não quero assim!
Quero um romance, quero flores, quero passear, viajar, quero carinho, atenção, cuidado. Quero amor.
Não aceito isso!!!

Leticia disse...

Bem pra mim não rola mas não julgo.
Meu namorado foi antes meu amigo e quando se tornou namorado já havia amizade e respeito entre nós.
Sabe o que é difícilimo pra mim?!
Não ter ciúme.

a calma alma má disse...

> Iara: acho perfeita a sua posição. Amizade colorida é uma opção, ninguém precisa aceitar.

> Le: como falei no post, sem julgamentos ou preconceitos não é? Agora ciúme é um caso sério mesmo, eu tenho ciúmes até dos meus amigos!!!

Ricardo Rayol disse...

triste sina daqueles que não tem estomago e pegada para enfrentar um relacionamento.

Paola a Estranha disse...

Tá aí uma coisa que nunca tive. E nem quero ter, apesar que não posso cuspir pro alto, senão. rs

Bjusss

Ana Paula disse...

Vou na contramão de todos... Tão melhor ter um amigo com quem você possa divir seu tempo, suas alegrias, dúvidas e ah, pq não, sua cama? Tão mais tranquilo...

Adao Braga disse...

Como dizia um amigo:

O que mais contribui com o aumento dos divórcios, é também o aumento dos casamentos.

Faz tempo que ouvi este termo: Amizade Colorida, e foi na cidade de Posto da Mata, Sul da Bahia, em 1988... faz tempo hein???